Cursos em Destaque

Automotiva

Meio Ambiente

Normas Regulamentadoras de Segurança - Mte

Qualidade

SASSMAQ

Saúde e Qualidade Hospitalar

Sistema de Gestão de Segurança e Comportamento Seguro

Sistema Integrado de Gestão

 

Ver Todos




Artigos


Mudanças do SASSMAQ 3ªedição 2014
Ricardo Hojda - Stance Gestão e Treinamento

Transportadoras de produtos químicos: o SASSMAQ mudou!

As avaliações e reavaliações do Módulo Rodoviário do SASSMAQ a serem realizadas a partir de 10 de fevereiro de 2015 somente serão realizadas pelas certificadoras na nova versão do SASSMAQ (3ª edição) que foi aprovada no final de 2014 pela ABIQUIM.

A revisão do SASSMAQ foi coordenada por um grupo de trabalho composto por uma comissão de representantes da indústria química, baseando-se na última versão do CEFIC (Conselho Europeu da Federação da Indústria Química), em sugestões colhidas pela ABIQUIM durante a aplicação do programa, em consulta às partes interessadas, por meio dos representantes de comissões e organismos certificadores e empresas de transporte. Foram consideradas também as perguntas frequentes coletadas no site da ABIQUIM.  

A revisão do SASSMAQ visou tornar a ferramenta mais exigente e seletiva. Para tanto, este processo alterou diversas questões do Questionário do Módulo Rodoviário do SASSMAQ e também os requisitos para realização das auditorias por organismos de certificação.

Para conhecer mais, clique aqui ou ligue para a STANCE – 11 31675566, falecom@stancebrasil.com.br

1.      Questionário do SASSMAQ – Módulo Rodoviário

A estrutura do Questionário de Avaliação SASSMAQ foi mantida. Houve preocupação do Grupo de Trabalho da ABIQUIM de evitar mudanças bruscas de identificação dos quesitos. Foram mantidos no SASSMAQ:

·         Abordagem modular (Elementos “Centrais” e “Rodoviários”)

·         Classificação das questões: Mandatória, Indústria e Desejáveis.

 

O esforço de melhoria do Grupo de Trabalho da ABIQUIM foi no sentido da revisão do conteúdo das questões do SASSMAQ e da sua compatibilização com os requisitos da Atuação Responsável. Sendo assim, uma transportadora poderá passar por uma auditoria conjunta do SASSMAQ e Atuação Responsável.

Para conhecer mais, clique aqui ou ligue para a STANCE 

11 31675566, falecom@stancebrasil.com.br

Segue abaixo a mudança da distribuição das questões do SASSMAQ:

 

SASSMAQ – 2ª. Edição – 2005

SASSMAQ – 3ª. Edição – 2014

Mandatória

132

168

Industria

373

387

Desejável

47

21

Fonte: SASSMAQ 2ª e 3ª edições

Quais são as principais mudanças do Questionário do SASSMAQ?

A 3ª edição do SASSMAQ introduz novos itens, como por exemplo:

·         Estabelece a idade média da frota que deve ser de menos de 7 anos (carga a granel) e 10 anos (carga embalada);

·         Está mais próxima da ISO 14001 e OHSAS 18001;

·         Todas as questões relacionadas a requisitos legais passaram a ser mandatórias;

·         Estabelece processo de identificação e atualização da legislação aplicável (mandatório);

·         Determina conjunto de indicadores mais robustos, com frequência e métodos definidos. Inclui indicadores voltados ao meio ambiente.

·         Sistema documentado para identificação e avaliação de riscos;

·         Rotina estabelecida para planejamento de mudanças;

·         Foco no comprometimento e comportamento seguro dos colaboradores. Determina a implementação de programa Olho Vivo ou semelhante que visa desenvolver a conscientização e comprometimento dos colaboradores.

Visando adequar a sua transportadora ao SASSMAQ 3ª edição 2014, a STANCE fornece:

Curso que descreve detalhadamente as Mudanças do SASSMAQ. Clique aqui

Curso de Requisitos do SASSMAQ – voltados aos profissionais que ainda não lidaram com este documento. Clique aqui para conhecer mais.

Assessoria para adequação do Sistema de Gestão, visando o atendimento ao SASSMAQ 2014 – clique aqui para conhecer mais.

Entre em contato com a STANCE e solicite uma proposta: 11 31675566 e falecom@stancebrasil.com.br

2. Critérios para Realização das Auditorias Externas

No processo de evolução do SASSMAQ, o Grupo de Trabalho da ABIQUIM visou aumentar a qualificação das equipes auditoras e o rigor no dimensionamento das auditorias. Para tanto, estabeleceu:

 

2.1 Qualificação do Auditor Externo

O SASSMAQ 3ª edição – item 3.1 estabeleceu novos requisitos para qualificação de auditores externos que são:

“O Auditor líder deve ser qualificado por organismo certificador credenciado nacional ou internacionalmente e pertencer direta ou indiretamente a um organismo certificador. Deve ter efetuado pelo menos cinco auditorias de Sistemas de Garantia da Qualidade, de Gestão Ambiental e/ou de Saúde e Segurança ISO 9001/14001 ou ISO 9001/OSHAS 18001 em indústrias químicas e/ou empresas. Deve ser engenheiro ou técnico de segurança do trabalho e comprovar conhecimento de leis, regulamentações, normas nacionais e internacionais de transporte, segurança, saúde e meio ambiente e que participou e obteve aprovação no treinamento do curso de auditor líder no programa SASSMAQ.

Caso o Auditor não seja Engenheiro de Segurança ou Técnico de Segurança, a auditoria deverá ser realizada com a participação de um especialista profissional, que, obrigatoriamente, deve possuir a qualificação de Engenheiro de Segurança ou Técnico de Segurança.

O Auditor deve realizar no mínimo duas auditorias completas do SASSMAQ por ano para manter-se no quadro de auditores dos Organismos Certificadores. O não cumprimento dessa regra o retira da relação de Auditores Homologados pela Abiquim e o obriga a realizar novo curso de formação de Auditores Líderes SASSMAQ para retornar.”

 

2.2 Critérios para Planejamento e Realização da Auditoria de Organismo Certificador

O SASSMAQ 3ª edição de 2014 estabelece o processo de avaliação por organismo certificador e define critérios para dimensionamento de auditorias (item 4.1)

 

Em termos de tempo de registros a serem disponibilizados para a auditoria externa, o SASSMAQ formalizou:

·         Na primeira avaliação, mudança ou extensão de escopo: a empresa deve apresentar evidências mínimas de 6 meses para o escopo solicitado.

·         Para as reavaliações: as evidências mínimas serão de 12 meses.

 

As amostragens de perguntas não são permitidas. Portanto, os avaliadores devem responder a todas as questões aplicáveis do questionário SASSMAQ. Questões não aplicáveis devem ser justificadas pelo auditor.

 

Para conhecer mais, clique aqui.

 

Ricardo Hojda - Engenheiro, mestre em engenharia de produção pela Escola Politécnica da USP, autor da dissertação “ISO 14001- Sistemas de Gestão Ambiental”, especialista em qualidade pela U.S.P., Auditor Líder de ISO 14001:04, ISO 9001:2008 e OHSAS 18001:07 da Fundação Vanzolini, professor de cursos de pós graduação da Fundação Vanzolini e FIA, consultor de empresas na implementação de Sistemas de Gestão, Comportamento Seguro e Riscos Críticos, instrutor de treinamentos e Diretor da Stance Gestão e Treinamento.

 

 

 


Se desejar enviar esta página para um amigo, clique no botão abaixo:


Comentários sobre este Artigo: