Artigo – Redução da infecção de COVID-19 nas empresas através no Comportamento Seguro

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Observação Comportamental Covid-19

Inclusão de comportamentos de redução da infecção de COVID-19 ao Sistema de Comportamento Seguro

14 de abril de 2020

Cloyd Hyten, Ph.D.  Safety

Tradução : Ricardo Hojda – Stance

Durante a pandemia do COVID-19, o Dr. Anthony Fauci e a Dra. Deborah Birx, da Força-Tarefa de Coronavírus da Casa Branca, têm defendido repetidamente a mudança de comportamento como forma de mitigar a taxa de infecções na população. “Não há bala mágica. Não há vacina mágica ou terapia. São apenas comportamentos.” – Dr. Deborah Birx, Conferência de Imprensa da Casa Branca, em 31/3/20.

Nessas coletivas de imprensa, percebemos que, mesmo para pessoas envolvidas, é difícil mudar o comportamento em relação a hábitos estabelecidos, como o aperto de mão e ficar lado a lado com outras pessoas.  As reportagens também relataram muitos casos de pessoas que não mantêm o distanciamento social, aglomerando-se em praias, parques e mercados. Talvez algumas pessoas não vejam o valor de mudar seu comportamento ou pensem: “Isso não vai acontecer comigo”. Todas essas “verdades” sobre as mudança de comportamento evidenciam que as organizações devem pensar nos próximos meses, quando mais pessoas retornarem ao trabalho.

É provável que as pessoas retornem ao trabalho antes da disponibilidade de novas vacinas em todo o mundo (que irá encerrar completamente esta pandemia). Isso significa que a mitigação da infecção ainda será essencial.

Para a segurança dos seus colaboradores, deve-se considerar a implementação de alguns dos comportamentos orientados pelos Centros de Controle de Doenças. Os comportamentos requeridos para a saúde e a segurança dos colaboradores dependem da natureza do seu local de trabalho, bem como do grau de transmissibilidade do vírus naquele momento.

Os comportamentos incluem:

  • Manter distância social (separação de 2 metros) em estações de trabalho, passarelas, restaurante, reuniões, etc.
  • Lavar as mãos adequada e frequentemente
  • Usar EPIs para proteção facial
  • Evitar tocar seu rosto
  • Tossir / espirrar no cotovelo

Estes comportamentos irão ocorrem na qualidade e frequências corretas no local de trabalho de forma natural? Provavelmente não. Muitos desses comportamentos eram hábitos raros na população antes da pandemia.


A STANCE pode te ajudar na mudança de comportamento!

Conheça mais! Clique aqui e veja como formar observadores comportamentais!

Para melhorar o comprometimento das lideranças, clique aqui


Durante a pandemia, muitos colaboradores estão em casa, em relativo isolamento, onde se dispensa o distanciamento social e os procedimentos de lavagem das mãos podem ser diferentes daqueles estabelecidos no trabalho. Quando as pessoas retornam ao local de trabalho, os velhos padrões de comportamento podem continuar ou ressurgir. Se o coronavirus continuar ativo, a implementação das boas práticas descritas acima na rotina de comportamento seguro irá beneficiar toda a organização.

A sistemática de comportamento seguro, incluindo as Observações Comportamentais podem fornecer reforços adicionais para fortalecer esses comportamentos. Veja novamente a pequena lista de comportamentos acima. Muitos desses comportamentos também podem prevenir ou reduzir os resfriados ou gripe. A temporada de gripes e resfriados é anual e dura muitos meses, afetando substancialmente a saúde e a produtividade dos trabalhadores, mesmo sem os estragos desse novo coronavírus. Dr. Fauci pontuou exatamente isso na entrevista de 8 de abril ao Wall Street Journal, quando disse que outra mudança de comportamento – o fim do aperto de mão -ajudaria a reduzir as transmissões futuras do novo coronavírus e também reduziria o número de casos de gripe.


A STANCE desenvolveu treinamento e assessoria para o momento do retorno do colaborador ao trabalho!

Observação Comportamental para a Redução dos Riscos da Covid-19

Comportamento da liderança na pandemia de COVID-19

Veja como esta ferramenta pode te ajudar a minimizar os riscos de contaminação!


Há uma lição dessa pandemia: Os comportamentos de controle de infecções devem ocupar um lugar mais proeminente na definição de comportamentos críticos para a segurança do local de trabalho e devem ser incluídos nos sistemas de comportamento seguro. Se você já possui um sistema de comportamento seguro, inclua esses comportamentos; se você não possui esse sistema, é hora de investir em um processo como este!

IMAGEM:<a href=”https://br.freepik.com/fotos-vetores-gratis/pessoas”>Pessoas vetor criado por freepik – br.freepik.com</a>

Deixe seu comentário

Sobre nós

A Stance é uma empresa de assessoria e treinamento que atua nas áreas de meio ambiente, qualidade, segurança, saúde e responsabilidade social.  A Equipe Stance atua na mudança do comportamento e foca no comprometimento das pessoas com o Sistema de Gestão.

Posts Recentes

Siga-nos

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese
Abrir WhatsApp
Precisa de Ajuda?
Olá 👋 Gostaria de falar conosco para Solicitar um Orçamento?